NSA cruza dados para investigar e criar perfis de norte-americanos, diz jornal

3 out

Informações foram fornecidas por documentos vazados pelo ex-agente Edward Snowden

Uma reportagem do jornal The New York Times publicada neste sábado (28/09) afirma que a NSA (Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos) realiza desde 2010 o cruzamento de dados coletados em redes sociais, contatos telefônicos, contas bancárias e de sistemas de GPS de cidadãos norte-americanos. O objetivo é criar perfis que identificam relações pessoais, localizações em determinados períodos e preferências de companhias de viagem, tornando mais fácil que essas pessoas sejam localizadas.

A matéria se baseia em novos documentos fornecidos pelo ex-agente Edward Snowden que, desde junho, revela informações sobre os programas de ciberespionagem do governo dos Estados Unidos que ele mesmo vazou. Atualmente ele se encontra asilado na Rússia.

Com essas informações, a agência consegue criar relatórios sofisticados sobre os norte-americanos alvos de investigações, descobrindo conexões com alvos fora do país.

A NSA fez um programa que permite estabelecer 94 perfis de indivíduos e 164 tipos de relacionamento, a partir do cruzamento de metadados de telefones, contas de e-mail, endereços IP, redes sociais, registros bancários e de pagamento de impostos, além do GPS.

Com esses cruzamentos, a entidade constrói a rede social de um indivíduo e as “comunidade de interesse” dele.

O esforço para construir as redes de relacionamento dos alvos começou em 2010. O plano era auxiliar a agência a descobrir e rastrear conexões entre alvos fora do país e cidadãos norte-americanos, de acordo com um memorando da NSA de janeiro de 2011.

Os oficiais da NSA não disseram ao jornal quantos norte-americanos são alvo desse esforço de monitoramento ou se há estrangeiros na lista dos alvos.

Segundo a agência informou o jornal, o método foi uma forma de poder investigar norte-americanos sem que fosse ferida a Constituição, que garante o sigilo ao conteúdo das comunicações.

NYT não informou se esse sistema investigou norte-americanos que não tinham suspeita de envolvimento com o terrorismo, assim como outros programas da NSA.

OperaMundiimage

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: